Em 16/04/2018 às 09h15

Rapaz suspeito de estupro é preso e escapa de linchamento em Miradouro

Populares quiseram agredir o rapaz que foi deito pelos policiais militares e levado para Muriaé

Populares quiseram agredir o rapaz que foi deito pelos policiais militares e levado para Muriaé

Download
Um rapaz, de 24 anos de idade, foi preso na cidade de Miradouro (89 km de Cataguases), acusado de estuprar uma mulher de 44 anos, dentro da casa dela, na tarde deste domingo, 15 de abril. A Polícia Militar (PM) foi acionada por uma vizinha da vítima e o homem foi detido após ser agredido e seguro por populares.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (B.O.) da PM, a mulher foi trazida para o Hospital São Paulo (HSP) em Muriaé, e a médica que a atendeu constatou lesões em sua região anal, sendo necessário permaner na unidade para ser medicada.

Segundo o registro, a vizinha da vítima contou aos militares que ela estaria embriagada quando o jovem chegou e entrou no imóvel, dizendo que iria capinar o quintal de sua residência. Conforme o relato, posteriormente a solicitante ouviu a vítima gritando por socorro e ao ver do que se tratava se deparou com o rapaz já saindo na porta da sala, levantando sua bermuda nitidamente assustado.

Em seguida, a mulher entrou na casa e disse ter encontrado a vítima no chão, com sua calça e calcinha abaixadas, e repetindo que havia sido estuprada pelo jovem.

Conforme o B.O., a notícia se espalhou rapidamente, sendo o suposto autor contido e agredido por populares, antes de ser detido pelos militares que o livraram de um possível linchamento.

O acusado também foi atendido no HSP e na sequência levado para apresentação à Polícia Civil (PC), no plantão da Delegacia Regional, no bairro Safira. Ele teve a prisão ratificada e foi encaminhado ao Presídio de Muriaé. (Foto: Rádio Muriaé)

Fonte: Rádio Muriaé

Tags: estupro, rapaz, preso, agressão, linchamento





Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!

desenvolvido por: