Em 21/03/2013 às 14h30

Estado e municípios estabelecem metas para o avanço da educação em Minas

Durante o lançamento do PIP Municipal, prefeituras

Durante o lançamento do PIP Municipal, prefeituras

Download

 

A utilização de metas para conquistar avanços na educação é prática comum nas escolas da rede estadual de ensino e a partir deste ano o uso desse instrumento de trabalho também fará parte da realidade das escolas municipais mineiras. Nessa quarta-feira (20), os 161 representantes municipais do polo Sul do Estado receberam o Caderno de Metas 2013-2016. A entrega ocorreu durante a cerimônia de lançamento do PIP Municipal na região.

 

“Temos metas ousadas e o PIP é um programa ousado. Em Minas Gerais, os municípios respondem por dois terços da oferta dos anos iniciais do ensino fundamental e o Estado por um terço. Nos anos finais essa proporção se inverte. Por isso é importante estarmos unidos na mesma causa que é a educação de qualidade”, ressaltou a secretária adjunta de Estado de Educação, Sueli Pires.

 

Para os 845 municípios que aderiram ao Programa de Intervenção Pedagógica (PIP), a Secretaria de Estado de Educação traçou metas para serem alcançadas no período de 2013-2016. A meta de cada município foi calculada considerando os resultados do Programa de Avaliação da Alfabetização (Proalfa) 2012 conquistados pela rede municipal e o potencial de evolução das escolas para alcançar as metas.

 

“Estamos sugerindo metas para todas as escolas municipais até 2016. Com a implantação do programa nos municípios, vamos iniciar o monitoramento e incentivar as escolas a trabalharem para alcançar as metas, assim como já acontece na rede estadual. Por exemplo, aquelas escolas com alunos no baixo desempenho terão um acompanhamento maior”, explicou a subsecretária de Desenvolvimento da Educação Básica, Raquel Elizabete de Souza Santos.

 

Durante o encontro, os representantes municipais participam de oficinas que mostram como o caderno de metas deve ser trabalhado com a escola e com a comunidade escolar. O objetivo da Secretaria é que após receber o caderno, as prefeituras se reúnam com as escolas municipais para pactuar as metas com elas.

 

Para o prefeito de Varginha, Antônio Silva, o Caderno de Metas será um importante instrumento de trabalho para as escolas municipais. “O Caderno terá uma importância fundamental para o sucesso do PIP nas escolas municipais, porque traça os objetivos a serem perseguidos. Ao pactuar as metas não quer dizer que alcancemos todas as metas, mas o importante é que vamos ter um norte a seguir”, afirma.

 

A entrega dessas propostas de avanços para os municípios também ocorreu no lançamento do PIP nos pólos Vale do Rio Doce e Zona da Mata. Além das metas, o documento também apresenta os resultados conquistados pelas redes municipais no período 2006-2012, a definição e metodologia do Programa.

 

Lançamento em polos

 

Até o dia 27 de março, o PIP municipal será lançado em seis polos do Estado. Além do Vale do Rio Doce, Zona da Mata e Sul, Triângulo (21/03, em Uberlândia), Norte (25/03, em Montes Claros) e Central (26/03, em Belo Horizonte), receberão o Programa da Secretaria de Estado de Educação.

 

Além dos lançamentos, que contam com a participação dos prefeitos, secretários municipais e as equipes que atuarão no PIP Municipal, o encontro também contará com palestras e capacitará os participantes sobre a metodologia do Programa, o plano de intervenção pedagógica da escola, alfabetização e letramento no ciclo da alfabetização e estudos de caso.

 

Anos iniciais do ensino fundamental

 

As equipes municipais do PIP trabalharão com os anos iniciais do ensino fundamental, 1º ao 5º ano, fase na qual o estudante desenvolve e consolida as habilidades de leitura e escrita e todo o conhecimento que o prepara para o restante da educação básica. No total, mais de seis mil escolas municipais em todo o estado vão contar com o programa a partir da capacitação das equipes.

 

Fonte: Agência Minas





Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!

desenvolvido por: