Em 20/03/2013 às 21h00

Secretário Gil Pereira participa de encontro para discutir as políticas de redução das desigualdades

A 1ª Conferência Nacional de Desenvolvimento Regio

A 1ª Conferência Nacional de Desenvolvimento Regio

Download

A 1ª Conferência Nacional de Desenvolvimento Regional (CNDR) foi aberta nesta terça-feira (19), em Brasília, com a participação de representantes dos estados, com o objetivo de debater elementos para construção de nova Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR). Participou da solenidade o secretário de Estado de Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e do Norte de Minas, Gil Pereira.

A abertura do encontro, que vai até esta sexta-feira (22), foi realizada pelo ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, contando também  com a presença do presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicadas (Ipea), Marcelo Neri.

 

A CNDR vai discutir, pela primeira vez, com o poder público, a sociedade civil, o empresariado e instituições brasileiras de ensino e pesquisa, princípios e diretrizes que vão embasar o projeto de lei da nova PNDR.

 

Etapas

 

Após a realização de 27 etapas estaduais e 5 macrorregionais, o processo conferencial elegeu 443 delegados que representam o poder público, a sociedade civil, o empresariado e as instituições de ensino e pesquisa estaduais. Milhares de pessoas enviaram suas contribuições, o que resultou em 800 propostas para modernização da PNDR.

 

Para a etapa nacional, após sistematização, o caderno de propostas traz 362 sugestões. Haverá um processo de priorização em que serão elencados os princípios e as diretrizes fundamentais, as mais importantes dentre todas as proposições que servirão de base para a elaboração do projeto de lei da nova PNDR que seguirá, posteriormente, para tramitação no Congresso Nacional.

 

Durante a abertura da 1.ª CNDR, o Ministério da Integração Nacional entregou aos nove vencedores o Prêmio Celso Furtado de Desenvolvimento Regional. Foi lançado, ainda, o Observatório do Desenvolvimento Regional, que vai reunir indicadores e pesquisas para colaborar na redução das desigualdades entre as regiões brasileiras.

 

Fonte: Agência Minas





Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!