Em 12/10/2017 às 08h00

Culto Ecumênico comemora o aniversário de 81 anos da Companhia Industrial

Solenidade foi realizada na sede da empresa para os funcionários e demais colaboradores com direito a reflexão e "parabéns pra você"

O público foi formado por diretores e funcionários da empresa, além de fornecedores e parceiros

O público foi formado por diretores e funcionários da empresa, além de fornecedores e parceiros

Download
A Companhia Industrial Cataguases, maior empregadora do município e empresa tradicional do setor têxtil no país, comemorou na tarde desta quarta-feira, 11 de outubro, 81 anos de atividade. Dirigida pela mesma família desde sua fundação, tem hoje na presidência José Ignácio Peixoto Neto que segue a tradição familiar de mais de cem anos produzindo tecidos com qualidade e para diversos países do mundo. Uma celebração ecumênica e depois o "parabéns a você", com direito a bolo e refrigerante, simbolizaram este momento que teve como ponto de reflexão o tema "compartilhar".

imageSob os acordes da Banda formada por funcionários da empresa e da Padrão Alimentos, Juliano Carvalho, assessor de comunicação e mestre de cerimônia da solenidade, abriu o Culto Ecumênico afirmando que a Companhia Industrial está há "oitenta e um anos trabalhando com muita criatividade, inovação e qualidade. Junto com fios e tecidos muitas histórias foram aqui urdidas e tecidas, valores fortalecidos e desafios nunca nos assustaram", frisou. Ele também destacou o "profissionalismo, integridade, ética e paixão pelo que fazemos. Conquistamos o respeito do mercado e a admiração das pessoas", completou.

imageApós a Banda tocar mais uma canção o Ministro da Eucaristia Antônio Carlos de Souza Lima, fez sua reflexão com o público, enfatizando a cordialidade entre as pessoas como a forma mais simples e singela de compartilhar e "juntos todos crescerem", lembrou. Citou a parábola dos talentos para dizer que a Companhia Industrial e todos os seus funcionários souberam usar os talentos que receberam e os multiplicaram. Em seguida foi a vez da Pastora Raquel Carvalho Gomes Fernandes, representando os evangélicos refletir sobre o tema. De acordo com ela, a Companhia Industrial chega aos 81 anos porque vem compartilhando suas experiências e chamando todos a agirem em conjunto. "Isto faz a diferença e o que faz o mundo ser melhor", disse.

Após nova apresentação dos músicos da banda formada por Elias (RH), Maicon (Preparação a Tecelagem), Luciane (Tecelagem), Cláudia (Acabamento) e Raquel (Padrão Alimentos), foi o momento de reflexão apresentado pelo representante da religião Espírita, Eduardo do Carmo Santos. Ele começou afirmando que "só com a união vamos conseguir dividir". A frase mostra o crescimento proporcionado pelo fazer juntos, compartilhando experiências e vivências. Ele aproveitou para sugerir mudanças em cada um a partir da constatação de que o mundo hoje dá mais valor ao ter do que ao ser "por isso é importante refletir sobre o nosso comportamento", salientou, finalizando com a sugestão de que as pessoas devem passar mais tempo em família.

imageA surpresa da tarde foi uma homenagem ao funcionário mais antigo da empresa. Mauricinho, como é carinhosamente chamado, ou "seu" Mauricinho, está há 61 anos na Companhia Industrial, apesar de aposentado. Ele recebeu das mãos do presidente da Industrial, José Neto, uma placa de prata em agradecimento à sua dedicação e amor à Companhia. Foi muito aplaudido com entusiasmo por todos que o veem como exemplo e um ótimo colega de trabalho. A solenidade terminou com um animado "parabéns pra você" em homenagem à Companhia Industrial e, na sequência, foi servido um bolo com refrigerante aos participantes, trabalhadores da empresa e fornecedores.

Veja as fotos da celebração ecumênica na galeria abaixo.


Tags: Companhia Industrial, fábrica, têxtil, aniversário





Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!

desenvolvido por: