Em 21/03/2013 às 20h39

Em reunião da Assembleia de Minas em Muriaé vereador pede redução dos impostos para a região crescer

A reunião começou por volta das 11 horas desta qui

A reunião começou por volta das 11 horas desta qui

Download

O Presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Deputado Dinis Pinheiro, esteve na manhã desta quinta-feira, 21, em Muriaé, para realizar mais uma prestação de contas regional da atuação do Legislativo mineiro. Ao todo aquela instituição fará este ano dezoito visitas percorrendo, assim, todas as regiões do Estado. Com ele estava o prefeito Aloísio Aquino, os deputados daquela cidade, Bráulio Braz e Dr. Wilson Batista, além de André Quintão, Luiz Henrique, Tiago Ulisses e Gustavo Correia. Cerca de vinte prefeitos e lideranças vizinhas também prestigiaram o evento como o presidente da Câmara Municipal de Santana de Cataguases, Gumercindo Resende, o prefeito de Astolfo Dutra, Arcílio Venâncio Ribeiro e o ex-deputado e prefeito de Leopoldina, Bené Guedes. As lideranças políticas de Cataguases não participaram do encontro que aconteceu na Câmara Municipal de Muriaé.

 

O Site do Marcelo Lopes esteve presente ao evento atendendo convite da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. O presidente daquela Casa, Deputado Dinis Pinheiro, concedeu inicialmente, uma rápida entrevista coletiva à imprensa. Ele respondeu ao Site sobre Meio Ambiente tendo em vista a exploração de bauxita em toda esta região pela CBA. Ele respondeu que as demandas nesta área devem ter sempre o consenso como meta principal “de forma que possamos aliar a exploração do minério, que gera emprego e receita para o país, minimizando os impactos ambientais”. E completou sugerindo que a população que se sente mais impactada por causa desta atividade entre em contato com a Assembleia para que possa realizar uma discussão sobre o assunto.

 

Dinis Pinheiro disse que a Assembleia de Minas está empenhada em “reafirmar a necessidade de lutar por uma melhor distribuição de renda para os municípios porque somente com investimento maciço nos municípios teremos um país mais justo e igualitário”, afirmou. Ele também falou sobre o atendimento ao público revelando que nos últimos dois anos a Assembleia “acolheu mais de 540 propostas populares”. A respeito da Saúde, o presidente do Legislativo mineiro revelou que está promovendo o “Movimento Assine Mais Saúde” que pretende coletar “o maior número possível de assinaturas” para propor um projeto de lei ao Congresso Nacional obrigando o governo federal a destinar mais verbas para a saúde. A iniciativa vai obrigar a União a investir 10% da receita corrente bruta na saúde.

 

Entre as lideranças presentes, chamou a atenção a participação do vereador local, Jair de Abreu, que fez um apelo especial aos deputados de Muriaé para que empenhem esforços junto aos colegas de legislativo no sentido de convencer o governo do estado a reduzir impostos, especialmente ICMS e IPVA como forma de atrair novas empresas para a região, o que hoje não acontece já que nos estados vizinhos à Zona da Mata, Rio de Janeiro e Espírito Santo, estes impostos são bem menores, acarretando com isso a penúria, o desemprego e o empobrecimento da região, argumentou o vereador. 





Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!