02/02/2016 às 08h10m


Para aproveitar toda a folia, hidrate-se!

Durante períodos de festas como o carnaval, geralmente as pessoas passam longos períodos sem se alimentar, consomem bebidas alcóolicas, dançam por muitas horas, não descançam, mas você sabe como aproveitar ainda mais a sua festa?

A desidratação faz parte de uma lista atualizada, publicada em 2010 por um estudo supervisionado pela Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde do Brasil, onde são listadas causas de mortes no brasil, a desidratação compõe o grupo de causas de morte evitáveis. ¹

Durante a prática de qualquer atividade física, como por exemplo quando pulamos carnaval, a nossa temperatura corporal aumenta e consequentemente perdemos mais líquidos, esse quadro é agravado em ambientes de clima mais quente, como a nossa região. Os sintomas da desidratação são claros, sentimos mais sede, perdemos o apetite, quando a desidratação se agrava podemos ter vertigens, nauseas, nos sentimos fadigados, se a desidratação for muito severa podemos sentir dores de cabeça e até perda dos sentidos.²

O consumo de álcool é frequente nessa época , além do alcool ser diurético, o que te faz perder líquido,  seu consumo pode levar a quadros de vômito e diarréia, o que agrava a desidratação.

Então as dicas são:
Consuma bastante líquido.

Consuma bebidas isotônicas como Gatorade para recuperar os sais minerais perdidos no suor.

Consuma alimentos leves, mas não deixe de se alimentar.

Fique de olho nas crianças e nos idosos, eles se desidratam com mais facilidade que os adultos, então ofereça sucos, água, soro caseiro, use a criatividade.

Evite consumir bebidas álcoolicas em excesso.

Descanse, durma bem, assim você terá energia para curtir todos os dias de folia.

Em caso de vômito, diarréia, desmaios pelo excesso de álcool, procure atendimento médico imediatamente!

Anotou as dicas? Então você está pronto para curtir a folia.

Um beijo meus amores.


1- MALTA, D. C. et al. Atualização da lista de causas de mortes evitáveis por intervenções do Sistema Único de Saúde do Brasil.Epidemiologia e Serviços de Saúde, v. 19, n. 2, p. 173-176, 2010.

2 – MIYASATO, L. M., et al. Presença de sintomatologia de desidratação após o exercício físico em academia do município de São Paulo. Revista Brasileira de Nutriçao Esportiva, v. 9, n. 52, p. 281-287, 2015.


Autor: Giuliana Paiva

Tags relacionadas: folia - carnaval - hidratação


Compartilhe:



26/01/2016 às 07h52m


Você está fazendo dieta de revista?

A internet, as revistas, todas elas trazem várias dietas para quem quiser seguir, a promessa é sempre milagrosa, como "perca 7kg em 1 semana".

Segundo um estudo realizado no ano passado, que avaliou dietas publicadas em revistas, a quantidade de vitaminas que essas dietas oferecem não supre a necessidade diária recomendada. Esse mesmo estudo sugere que as dietas geralmente são pobres em carboidratos e gorduras e ricas em proteínas, o que também não é adequado, pois não podemos generalizar as necessidades nutricionais das pessoas. Concluiu-se nesse estudo que as dietas publicadas em revistas não são adequadas para a perda de peso saudável e para promover uma mudança nos hábitos alimentares das pessoas.¹

Outro estudo também publicado no ano passado aponta o risco que as pessoas correm quando praticam esse tipo de dieta, a maior inadequação segundo esse estudo é quando comparamos a necessidade diária dos macronutrientes (carboidrato, proteína e lipídeos) segundo a recomendação diária de consumo e a quantidade ofertada por essas dietas. As dietas de revistas, não levam em conta as necessidades diárias individuais, o que já não é adequado, e as dietas voltadas para o emagrecimento oferecem uma quantidade muito baixa de carboidrato, o que está em desacordo com as recomendações diárias. Esse estudo também destaca os riscos de se praticar uma dieta sem a orientação de um profissional capacitado, o nutricionista.²

Os veículos utilizados pela mídia trazem vários modelos de dietas, todas ali, prontas para você começar no mesmo dia, prometem beleza, emagrecimento, aquela barriga chapada, mas nenhuma delas é adequada para você!

A mídia investe pesado nesse universo da beleza e da falsa saúde, esse interesse é devido principalmente pela industria alimentícia, que formula seus produtos e quer vende a qualquer custo.

Não se engane com as falsas promessas, não existem alimentos milagrosos, não existe dieta milagrosa, procure a orientação de um nutricionista, busque a beleza sem perder a sua saúde, as dietas devem ser feitas levando em consideração a individualidade de cada um, devem ser calculadas e respeitando as recomendações diárias de nutrientes.

Fiquem de olho!

Um super beijo e um carinho.

SOUZA, M. G., ANDRADE, I. E. L., RAMALHO, A. A. Adequação nutricional de dietas para perda de peso em revistas não científicas brasileiras. DEMETRA: Alimentação, Nutrição & Saúde, v. 10, n. 4, p. 947-961, 2015.

SILVA et al. Teor Calórico e de macronutrientes de dietas veiculadas em revistas femininas não científicas impressas. Revista Interdisciplinar, v. 8, n. 4, p. 135-142, 2015.


Autor: Giuliana Paiva

Tags relacionadas: dieta - revista - nutrição


Compartilhe:



Perfil

Giuliana de Paiva, Nutricionista formada pela Faminas, especializando em Nutrição Clínica e Esportiva. Atendendo a cidade de Cataguases e região, seu trabalho é voltado para o público praticante de atividade física e também para as pessoas que buscam qualidade de vida e mudanças nos hábitos alimentares. Trabalha com consultório, palestras, personal diet, com grupos, fazendo um trabalho totalmente individualizado e personalizado.
Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!

desenvolvido por: