27/06/2015 às 09h47m


A CIÊNCIA DO SUCESSO

O sucesso é uma ciência. Ele tem técnicas e regras bem definidas que, agora, você vai começar a descobrir para tornar sua vida melhor. 
Do mesmo modo que você aprende física ou química, também pode aprender a ser bem-sucedido na vida. Isso já está sendo comprovado em várias partes do mundo e não tem nada a ver com erudição ou cultura. Conheço uma pessoa, nos Estados Unidos, que tem Ph.D. e está na fila do desemprego. E conheço, no Brasil, quem começou como trocador de ônibus, depois, foi contínuo de banco, e hoje é milionário.
Para ser bem-sucedido, ninguém precisa roubar, trapacear ou enganar. A maior esperteza do mundo é ser honesto. 
A roda do sucesso
Não existe magia do sucesso. Nem existe nada além do que você já sabe sobre o assunto. Não é preciso reinventar a roda. Só é preciso aprender como fazê-la girar mais depressa. É dessa forma que você pode melhorar de vida. 
O grande filósofo, Sócrates, dizia que o homem preguiçoso é aquele que deveria ser mais bem-empregado. De acordo com essa definição, todos somos preguiçosos, pois todos temos capacidade de duplicar, triplicar, qua¬druplicar o que estamos fazendo. Por quê? Porque não estamos usando nem 5% de nossa capacidade mental.
Como alguém mediu isso? Mediu do seguinte modo: mostrando que se pode acelerar em até vinte vezes a capacidade de aprendizagem do cérebro. Se é possível acelerar em até vinte vezes, significa que estamos usando apenas 5% dele.
Não interessa quão bem-sucedido você é: você sempre pode se tornar melhor.
— Aprender o caminho mais rápido para o sucesso, funciona? 
Depende de você. Eu sempre digo que, numa floresta, para despertar uma gazela basta um raio de sol; enquanto, para acordar uma pedra, precisa de uma dinamite. 
As pessoas que acham que nunca vão conseguir fazer nada, que tudo é difícil ou impossível, precisam saber que impossível é aquilo que ninguém fez, até que alguém venha e faça. E se alguém pode vir e fazer, você também pode!
Faça a pergunta certa
Quando for fazer qualquer coisa na vida, pergunte-se, antes:
1. Para onde estou indo?
2. De onde estou saindo?
3. Como eu chego lá?
Aceite uma sugestão: de manhã, diante do espelho, enquanto estiver escovando os dentes, faça-se estas três perguntas:
1. O que eu quero no dia de hoje?
2. Onde estou com relação ao que eu quero no dia de hoje?
3. Como eu chego lá?
Você nunca vai obter respostas certas com perguntas erradas. De acordo com o que você pergunta, seu cérebro vai encontrar a resposta. Se a pergunta for certa, a resposta encontrada será correta. A sua mente é tão poderosa que vai lhe entregar o que você pedir.
O grande problema é que a maioria das pessoas não aprende a usar o cérebro do melhor modo possível.
Tudo neste mundo vem com manual de instruções, menos o nosso cérebro. E, sem manual, temos de aprender a usá-lo passo a passo. Quem aprende, des¬lancha na vida. Quem não aprende, fica para trás, marcando passo.


Dr. Lair Ribeiro — Palestrante internacional, ex-diretor da Merck Sharp & Dohme e da Ciba-Geigy Corporation, nos Estados Unidos, e autor de vários livros que se tornaram best-sellers no Brasil e em países da América Latina e da Europa. Médico cardiologista, viveu 17 anos nos Estados Unidos, onde realizou treinamentos e pesquisas na Harvard Unversity, Baylor College of Medicine e Thomas Jefferson University. 
Webpage: www.lairribeiro.com.br
e-mail: lrsintonia@terra.com.br
Tel. 0-55-11-3889.0038


Autor: Dr. Lair Ribeiro

Tags relacionadas: sucesso; ciência; aprender; capacidade mental


Compartilhe:



24/06/2015 às 19h23m


SABER VIVER — Iniciando a Jornada

Como você está hoje? Conseguiu realizar todos os seus sonhos ou só alguns? (Será que você já desistiu de sonhar?) 
Quantas coisas você deixou de fazer por achar que não daria certo?
Você está satisfeito com o que já conquistou na vida ou quer mais? Afinal, o que falta para você ter a vida que sempre quis?
Talvez você não saiba o que falta, e por isso mesmo começou a ler este artigo. 
Ótimo! Então, vamos iniciar a jornada pessoal para saber viver.
Quem sabe viver, tem sucesso e é feliz.
Vamos trabalhar com exemplos. Carlos, vizinho de Cláudio, comenta: 
— O Cláudio é que sabe viver... Anda todo elegante, só vive viajando... Já deve conhecer o mundo inteiro!
Mas Cláudio, comissário de bordo, não gosta nada de passar a vida nas nuvens. Ele queria, mesmo, é passar a vida nas ondas. E lá com os botões de seu terno, ele pensa: ¬
— Toninho, o surfista, é que sabe viver... 
E sabe mesmo. Ele conseguiu o que queria. Mas não é só o Toninho que sabe viver. 
Saber viver tem um sentido diferente para cada pessoa. Para uns, saber viver é ter carro novo; para outros, é ser promovido no emprego; para outros, ainda, é ter fama, dinheiro e assim por diante. 
Mas voltando ao surfista do nosso exemplo, caso você não saiba, ele é um sucesso! Tem uma coleção de medalhas conquistadas na ondas do Hawai, ganha muito dinheiro com a sua grife de roupas esportivas, mora de frente para o mar... Enfim, ele conseguiu tudo o que sempre quis! 
É. A vida é assim: quem sabe viver, vai atrás de seus sonhos. E quando os alcance, ganha o sucesso, como recompensa! Felicidade é outra história!
Uma coisa é uma coisa. Outra coisa... Bem, outra coisa pode ser outra coisa, ou pode ser a mesma coisa. Sucesso é sucesso e felicidade é felicidade. São coisas diferentes, você concorda? Mas podem ser a mesma coisa. Veja bem: Sucesso é conseguir o que se quer. Felicidade é querer o que se conseguiu.
Felicidade é um estado de espírito. 
Um milionário, que mora em um apartamento de cobertura e tem três carros importados na garagem pode estar profundamente infeliz e insatisfeito. Ele pode ter acabado de ter uma briga feia com os filhos, pode estar se separando da esposa com a qual vivia há mais de trinta anos... Enfim, muita coisa pode tornar infeliz a vida de uma pessoa bem-sucedida financeiramente. Por outro lado, um pescador que tem um barraco na vila e consegue trazer do mar um peixe por dia, pode viver muito feliz. 
No caso do Toninho, o surfista, ele tem sucesso e é feliz, pois conseguiu o que queria e quer tudo o que consegue da vida. 
Felicidade não depende do que você tem, mas da forma como você aceita as coisas que consegue na vida.
Se você só quer sombra e água fresca e a vida lhe dá um peixe por dia, ótimo! Você pode ser feliz. Mas se você quer mais do que isso e a vida tem lhe dado só um peixe por dia, você também pode ser feliz. E bem-sucedido. Basta querer o que está conseguindo da vida e aprender como tornar esse peixe rentável.


Dr. Lair Ribeiro 

Webpage: www.lairribeiro.com.br

e-mail: lrsintonia@terra.com.br


Autor: Dr. Lair Ribeiro

Tags relacionadas:


Compartilhe:



10/06/2015 às 21h55m


Faça do espelho seu melhor amigo

A aparência influencia no sucesso e na empregabilidade de um executivo. Não basta ter um rostinho bonito para ser bem-sucedido profissionalmente, mas isso é uma condição que pode influenciar em muito no sucesso da sua carreira profissional.

Não estamos falando de beleza, mas de aparência, do modo como você se apresenta à sociedade, que engloba desde os cuidados básicos com higiene pessoal (unhas limpas e bem cortadas, barba feita, cabelos bem cortados e saudáveis, maquiagem discreta, etc.), passando pelo modo como você se veste (usando roupas adequadas ao seu tipo físico e cargo, sapatos em excelente estado, acessórios sem extravagância, entre outros itens), até o seu comportamento dentro e fora do local de trabalho (etiqueta profissional), sem esquecer da sua comunicação. E quando o assunto é aparência, estar em paz com a balança é fundamental. Pesquisas revelam que obesidade é fator de rejeição para 65% dos 31 mil executivos pesquisados pelo Grupo Catho (empresa de recolocação profissional), em um estudo realizado em 2005.

  Hoje, ser magro não é apenas sinal de beleza, mas também de agilidade, auto-estima elevada, segurança, credibilidade e profissionalismo. Ser obeso, por sua vez, passa a mensagem de cansaço, de baixa auto-estima, de problemas de saúde, como pressão alta, diabetes ou problemas cardíacos, e tudo isso pode ser resumido à idéia de "não dar conta do recado". A verdade, sem entrar no mérito dessa questão, é que pessoas obesas são discriminadas no mercado de trabalho.

A aparência é tão importante na contratação de profissionais porque é a primeira qualidade que o selecionador pode avaliar nos candidatos. É, literalmente, a primeira impressão, que, como se sabe, é a que fica!

Sua carreira profissional se beneficiará em muito a partir do momento em que você começar a cuidar mais da sua aparência. E cuidando da sua aparência você também cuida da sua saúde física e emocional. Com o peso em dia você se torna mais saudável, com menos risco de desenvolver várias, passa a sentir-se de bem com a vida, torna-se mais produtivo e isso se irradia na sua aparência. E os outros percebem isso facilmente, tanto que seu fator de empregabilidade aumenta.

Se você estiver desempregado ou em busca de promoção, não precisa fazer greve de fome. Para sua energia — e seu peso — se equilibrarem, basta optar por uma alimentação saudável, balanceada e de acordo com as suas necessidades nutricionais, que variam conforme sua idade, altura, sexo e nível de atividade física. Aliás, dedicar-se a uma atividade física regular é altamente aconselhável, não apenas porque acelera o metabolismo e intensifica o processo de emagrecimento, como também porque ajuda a descarregar as tensões do dia-a-dia, restabelecendo a energia e mantendo afastados o nervosismo, o estresse e a ansiedade!

E não se esqueça: Todo esse cuidado não deve ser interrompido após conquistada a vaga ou a promoção. Ao contrário, devem ser mantidos por toda a vida. Sua carreira e a sua saúde agradecem!

 

Dr. Lair Ribeiro 

Webpage: www.lairribeiro.com.br




Autor: Dr. Lair Ribeiro

Tags relacionadas: aparência, sucesso, carreira, emprego


Compartilhe:



Perfil

Palestrante internacional, ex-diretor da Merck Sharp & Dohme e da Ciba-Geigy Corporation, nos Estados Unidos, e autor de vários livros que se tornaram best-sellers no Brasil e em países da América Latina e da Europa. Médico cardiologista, viveu 17 anos nos Estados Unidos, onde realizou treinamentos e pesquisas na Harvard Unversity, Baylor College of Medicine e Thomas Jefferson University.
Webpage: www.lairribeiro.com.br
e-mail: lrsintonia@terra.com.br
Todos os direitos reservados a Marcelo Lopes - www.marcelolopes.jor.br
Proibida cópia de conteúdo e imagens sem prévia autorização!
  • Faça Parte!

desenvolvido por: